Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



PORTUGAL: ESTADO LAICO?

Quarta-feira, 24.12.08

Esta noite, tal como manda  a moral e os bons costumes, o Cardeal Patriarca de Lisboa, D. José Policarpo emitiu a sua mensagem de Natal, através da antena da RTP.

 

Segundo o artigo 41º, n.º 4 da Constituição da República Portuguesa, "As igrejas e outras comunidades religiosas estão separadas do Estado e são livres na sua organização e no exercício das suas funções e do culto".

 

Por um lado, se os poderes eclesiástico e estatal estão separados, porque é que a Igreja Católica Apostólica Romana utiliza a televisão estatal como veículo de transmissão das suas mensagens natalícias?

 

Por outro lado, se a Igreja Católica usufrui de tal privilégio/direito, porque é que outras confissões religiosas não usufruem do mesmo privilégio/direito?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Criatura da Noite às 21:57


2 comentários

De Anónimo a 09.02.2010 às 18:26

Pertinente! ;)

De Criatura da Noite a 13.02.2010 às 23:29

Mas alguém está minimamente interessado ou preocupado com esta questão? Claro que não!

A esmagadora maioria dos portugueses como bons hipócritas que são, interessam-se apenas com questões tão básicas e ridículas como o casamento entre pessoas do mesmo sexo! Por amor à santa, onde já se viu duas pessoas do mesmo sexo a casarem?! Isto é o fim do mundo... em cuecas!

Comentar post