Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



UM DIA HISTÓRICO PARA PORTUGAL

Domingo, 10.01.10

Na última sexta-feira reescreveu-se uma nova página na história de Portugal. Ao fim de vários anos e de muitas lutas, o projecto-lei que prevê o alargamento da instituição casamento para casais do mesmo sexo foi, finalmente, aprovado por uma maioria parlamentar com os votos favoráveis de PS, BE, PCP e PEV. O diploma exclui ainda a possibilidade de adopção de crianças por casais homossexuais, o que causou uma enorme contestação por parte de bloquistas e 'Verdes'.

Das propostas apresentadas foram ainda chumbados os diplomas do BE e PEV que previam a adopção; a proposta do PSD para a criação de uma união civil registada, regime esse que excluiria os direitos patrimoniais e de parentesco; e, finalmente, o projecto de um grupo de cidadãos que previa a convocação de um referendo sobre esta matéria.

O diploma espera agora do Presidente da República a promulgação, o veto ou em alternativa, o envio para o Tribunal Constitucional. Se o Chefe de Estado optar pela terceira via terá apenas 8 dias para enviar o projecto-lei para o TC. Caso contrário, o prazo estender-se-á por mais 40 dias.

Acreditando na posição marcadamente ortodoxa e desfavorável que o Presidente sempre manifestou relativamente a esta matéria e fazendo fé numa possível recandidatura às presidenciais de 2011, Cavaco Silva deverá enviar o diploma para o Tribunal Constitucional sacudindo, desta forma, a 'água do capote' como já vem sendo hábito.

Independentemente da posição do Presidente e do projecto-lei não prever a adopção de crianças por casais do mesmo sexo, muitos LGBT's acabaram por fazer a festa mesmo em frente à Assembleia da República.

O primeiro passo para a eliminação de barreiras jurídicas no que concerne ao casamento está praticamente concluído. No entanto, a luta não esmorecerá enquanto a possibilidade de adopção de crianças e a procriação medicamente assistida, não se estenderem a todos os casais, independentemente da orientação sexual dos seus cônjuges

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Criatura da Noite às 12:13


2 comentários

De T. a 10.01.2010 às 13:55

Concordo contigo, ele não deve aprovar de todo

De Criatura da Noite a 12.01.2010 às 20:17

Por mais que o Presidente atrase o processo, quase todos são unânimes ao acreditarem que já não há volta a dar.

Com ou sem promulgação de Cavaco Silva, o casamento 'gay' vai mesmo para a frente.

Comentar post