Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



MARTELADAS DE AMOR

Sábado, 23.06.07

Há pouco, tomei conhecimento de uma história, no mínimo, macabra.

 

Num dia igual a tantos outros (será mesmo?!), um rapaz de 21 anos "decidiu mimar" (citando JDM) a irmã de 17 anos com umas marteladas e umas facaditas.

 

Depois de tão infame acto, tentou "autoassassinar-se" com umas pancadas na sua própria cabeça e asfixiando-se na banheira de casa de tão "simpática" família (nem os Adams conseguiriam ser tão "acolhedores"). Após sucessivas tentativas falhadas de "automimoseação" (lá diz a velha sabedoria popular que "vaso ruim, não quebra"), entregou-se às autoridades policiais.

  

Porquê, eis a questão, porquê?!

 

Oh meus amig@s, será que uma pessoa já não pode "mimar" outra com umas marteladitas e umas facaditas bem certeiras?! Afinal, onde está a tão aclamada "liberdade de expressão"?!

 

OK, convenhamos que é uma forma de expressar os seus sentimentos um pouco "ajabardada" (só a trabalheira que dá limpar todo o sangue espalhado pelas paredes e afins...) mas, no fundo (bem lá no fundo...), o que importa são os sentimentos implícitos na coisa (ou a falta deles!)...ou não?

Autoria e outros dados (tags, etc)

tags:

publicado por Criatura da Noite às 10:34


4 comentários

De JanDira a 25.06.2007 às 16:49

Ja ouviste a expressao... gosto tanto de ti que me apetece fazer te mal! Pois e as vezes e verdade, ele apenas esqueceu se de deixar a irma viva para que houvesse a feedback!
lolololol

De Criatura da Noite a 25.06.2007 às 17:13

lololol
Ora, é só um pequeno pormenor!

De Lisa S. a 25.06.2007 às 21:27

bem bem bem!1 estou ultrajada!!! quer se dizer, uma pessoa já n pode demonstrar os sentimentos sem haver este alarido!!! e sabem lá se ela n o tirou do sério!!1 imaginem q a moça até era portista?? so mm á martelada!!!!!

De Criatura da Noite a 02.08.2007 às 10:41

Lisa S., não poderia concordar mais contigo!

Na minha singela e humilde opinião, o rapazola apenas quis "mimar" a sua maninha com umas marteladas. Continuo a questionar-me: o que há de errado nisso?!

Comentar post